Nova Lei da Energia Solar: entenda o que é e o que vai mudar

Nova Lei da Energia Solar

Nova Lei da Energia Solar, saiba quais são as novas regras de energia solar e seus benefícios.

A nova lei de energia solar chegou no início de 2022 com mudanças marcantes para o setor fotovoltaico. Agora, a micro e minigeração de energia possui uma nova lei.

As novas regras de energia solar foram determinadas pela Lei 14.300/2022, sancionada em 6 de janeiro de 2022 e trazem alguns prazos importantes que tornam o momento favorável para novos projetos fotovoltaicos.

No post de hoje falaremos sobre o que é essa nova lei e como você, cliente, pode aproveitar a oportunidade de ter seu sistema fotovoltaico ainda esse ano. Continue a leitura e saiba mais!

Mudanças a partir da Lei 14.300/2022

Uma das principais mudanças inferidas pelas novas regras de energia solar diz respeito à compensação de créditos. A partir de agora, quem produz a própria energia pagará uma taxa sobre a energia compartilhada com a rede de distribuição de energia.

A taxa refere-se ao pagamento pelos serviços da concessionária e tem um valor absoluto determinado anualmente pela Aneel, com variação para cada localidade do país. Ela é chamada Fio B e é um dos componentes da Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição (TUSD, que aparece em todas as contas de luz.

É importante ressaltar que a taxação será calculada sobre a energia não simultânea, ou seja, aquela usada nos momentos em que não há geração de energia solar. Isso significa que nos momentos em que a energia está sendo gerada e consumida pela residência, simultaneamente, não haverá incidência da chamada “taxação do sol”.

Além disso, quem já tem um sistema fotovoltaico não precisa se preocupar no curto e médio prazo, já que a lei determina que estes casos seguirão com as regras antigas de compensação de créditos até o ano de 2045. O mesmo é válido para quem fizer a instalação ainda em 2022, abrindo uma oportunidade para você que trabalha como revendedor.

Oportunidade única de adquirir sua usina solar em 2022

Até janeiro de 2023, quem fizer a instalação de um sistema fotovoltaico e protocolar o pedido de compensação de créditos com a concessionária, poderá garantir a isenção da taxa por 25 anos.

Contudo, é importante estar atento ao prazo para ser feito com antecedência e não lidar com imprevistos — como alterações no projeto, por exemplo.

Se você deseja ter sua própria usina fotovoltaica, agora é a hora de fechar os projetos e garantir seus benefícios.

Após o período de carência, janeiro de 2023, quem realizar a instalação de um sistema de energia solar pagará a nova taxa em porcentagens gradativas até atingir o valor integral em 2029.

Além da oportunidade de fechar negócios no prazo determinado, a nova legislação compreende outros benefícios, tais como:

Segurança jurídica

Enquanto lei federal, as novas regras de energia solar garantem mais estabilidade e segurança jurídica, já que possui uma prevalência sobre as determinações da Aneel. Alguns pontos controversos da resolução já eram questionados, como o caso da cobrança em duplicidade da taxa de disponibilidade.

Fim da cobrança em duplicidade

A cobrança da taxa de disponibilidade, correspondente ao valor mínimo na conta de energia, ocorria em duplicidade com o abatimento na compensação de créditos e novamente na conta de luz.

Com a nova legislação, essa cobrança será realizada antes da compensação de créditos, portanto, não haverá duplicidade.

Nova Lei da Energia Solar e a distribuição de crédito

Embora fosse possível distribuir os créditos excedentes com outras unidades consumidoras, isso era feito por meio da indicação de um percentual. A Lei 14.300 trouxe um novo formato.

Além da possibilidade de indicar o percentual, também será possível identificar uma ordem de prioridade. A vantagem é facilitar a gestão e a distribuição de créditos para quem tem muitas propriedades na mesma titularidade.

Adquira agora a sua usina fotovoltaica ainda no prazo de carência, entre em contato com a Cordeiro Energia e solicite seu orçamento.

 

Empresa de energia solar que mais cresce no Brasil abre nova sede em Jaíba/MG
Usina Solar Fotovoltaica: o que precisa ser avaliado na hora de iniciar um projeto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

SOLICITE UM ORÇAMENTO

Agora que você conhece os benefícios da energia solar fotovoltaica, solicite agora um orçamento grátis.

Menu